fbpx

Um guia para segurança colaborativa de robôs – resumo

OMRON – Um guia para segurança colaborativa de robôs – parte 7

Projetado com o foco em um colaborador humano, os Cobots são geralmente considerados seguros. No entanto, ainda exigem avaliações de risco para assegurar a segurança dos operadores humanos durante todo o uso. É crucial que os fabricantes considerem todos os riscos possíveis associados ao ensino orientado manualmente, incluindo contato transitório e quase estático, bem como o que pode acontecer quando o robô está envolvido em uma interrupção de emergência. 

Projetistas de ferramentas automáticas para máquinas, manuseio de materiais e aplicações de montagem devem considerar todas as maneiras pelas quais o robô interage com um operador, quais aspectos do ambiente podem causar compressão ou aprisionamento e quais características das extremidades das ferramentas podem representar risco devido ao calor elevado, bordas afiadas ou outros riscos. Se uma avaliação de risco for realizada minuciosamente e as medidas de segurança necessárias forem implementadas, isso garantirá ótimos ganhos de eficiência de uma aplicação e aumentará o desempenho. 

Referências 

1. Gonzales, Carlos for MachineDesign. (2018). 7 Common Applications for Cobots. Retirado em 4 de março de 2019 de https://www.machinedesign.com/motion-control/7-common-applications-cobots. 

2. Omron. (2018). Get to Know Collaborative Robots Series: Introduction to Collaborative Robot Safety, Risk Assessment for Collaborative Robots, Safe Hand Guiding Applications, Safety-Rated Monitored Stop, Safe Speed and Separation, Safe Power and Force. Retirado em 4 de março de 2019 de https://industrial.omron.us/en/solutions/robotics/robotic-case-studies/get-to-know-collaborative-robots-series.